Conheça o Djalmão!

Na favela dois homens entram num barraco arrastando um cara pelos braços.
Lá dentro, o Djalmão, um negão enorme limpa as unhas com um facão.

– Djalmão, o chefe mandou você comer o cu desse cara aí, que é para ele aprender a não se meter a valente com o nosso pessoal.

– Pode deixar ele aí no cantinho que eu cuido dele daqui a pouco.

Quando o pessoal sai o rapaz diz:

– Ô seu Djalmão, faz isso comigo não, depois de enrabado minha vida vai acabar, tem piedade pelo amor de Deus!!

– Cala a boca e fica quieto aí!

Pouco depois mais dois homens arrastando outro cara:

– Esse ai o chefe mandou você cortar as duas mãos e furar os olhos é para ele aprender a não tocar no dinheiro da boca.

– Deixa ele aí que eu já resolvo.

Daí a pouco chega outro pobre coitado:

– Djalmão, esse o chefe quer que você corte o pinto e a língua para ele não se meter com mais nenhuma mulher da favela!

– Já resolvo isso. Bota ele ali no cantinho junto com os outros.

M ais alguns minutos entra outro:

– Aí Djalmão, esse aí é pra você cortar em pedacinhos e mandar cada pedaço  pra família dele.

Nisso, o primeiro rapaz diz em voz baixinha, baixinha:

– Seu Djalmão, por favor, com todo respeito, só pro senhor não se confundir: o cara do cu sou eu!!!!

M ORAL DA HISTÓRIA

Tá vendo? Conforme a gente vai conhecendo os problemas
dos outros, percebemos que o nosso nem é assim, um grande problema

Propagandas Infames

Extra virgem!

azeite

Precisa explicar???

Jogo PONG Humano

O Sentido da Vida!!!

procurando-sentido-da-vida

Veja estes…

Coisas de informática 1

Coisas de informática 2

Email na ilha de Lost

Vantagens em ser pobre

1 – É Simples – Você não perde o seu precioso tempo com grandes sonhos e se contenta com um sonho da padaria no almoço e um Sonho de Valsa no jantar.
2 – É Valorizador – Em um mundo de mulheres tão interesseiras e oportunistas, só as sinceras e verdadeiras dão bola pra você! O problema é agüentar ficar sozinho!
3 – É Saudável – Você tem uma vida de atleta, correndo pra alcançar o ônibus, malhando pra conseguir um lugar pra sentar e se alongando pra passar por baixo da catraca.
4 – É Anti-Estressante – Nenhum vendedor te liga pra empurrar alguma bugiganga porque, além da sua conta estar negativa, você não tem telefone.
5 – É Aliviante – Com a sua fama de pé-rapado, nenhum amigo te pede dinheiro emprestado e dependendo do seu grau de pobreza, eles nem serão mais seus amigos.
6 – É Emocionante – Você nunca sabe se o dinheiro vai chegar até o final do mês e, assim, tem uma rotina muito menos previsível!
7 – É Invejável – Enquanto os seus vizinhos viajam, pegam transito feriado e sofrem com as praias lotadas, você descansa na comodidade do seu barraco.
8 – É Útil – Você tem de trabalhar aos domingos pra fazer hora – extra e, assim, não precisa assistir aos programas que são campeões de audiência de encheção de saco.
9 – É Seguro – Você não tem carro para se preocupar com assaltos, e não precisa levar a carteira para todos lugares que for, pois ela está sempre vazia. Assim, os trombadinhas vão passar longe de você!
10 – É Gratificante – Sem dinheiro pra acessar a Internet, você nunca vai ler textos cretinos como esse!!!

Fátima e Bonner comentam momentos constrangedores

Confusão no velório

 Eram dois pescadores gêmeos. Um casado e outro solteiro.

O solteiro tinha uma lancha de pescaria bem velha. Um dia a mulher do casado morre. E como desgraça nunca vem só, a lancha do irmão solteiro afunda no mesmo dia.

Uma senhora, dessas velhotas curiosas e fofoqueiras soube da morte da mulher e resolve dar os pêsames ao viúvo, mas confunde os irmãos e acaba falando com o irmão que perdeu a lancha.

– Eu só soube agora. Quer perda enorme. Deve ser terrível pra você.

O solteiro sem entender direito explicou:

– Pois é. Eu estou arrasado. Mas é preciso ser forte e enfrentar a realidade. De qualquer modo, ela já estava bem velha. Tinha a traseira toda arrebentada, fedia a peixe e vazava água como nunca vi. Verdade que ela tinha uma grande racha na frente e um buraco atrás, que cada vez que eu usava ficava maior. Mas eu acho que ela não aguentou porque eu a emprestava pra quatro amigos que se divertiam com ela. Eu sempre disse pra eles irem com calma, mas desta vez foram os quatro juntos e aí foi demais pra ela…

A velhina fofoqueira desmaiou!